Diferença entre amalgamação e fusão

Amalgamação vs Fusão

Nas notícias corporativas, muitas vezes ouvimos os termos de amalgamação e fusões. As empresas se fundem umas com as outras para consolidar seus ativos de modo a ter mais chances de sobrevivência e crescimento e também ter um melhor acesso a novos mercados. Embora o resultado final de fusões e fusões seja o mesmo que é ter uma empresa maior com mais ativos e clientes, há diferenças técnicas nos dois termos que serão discutidos neste artigo.

As aquisições, aquisições, fusões e amalgamações são comuns nos dias de hoje. O potencial para crescer é o principal motivo por trás de fusões e amalgamas. Se pesquisarmos o dicionário, a OED define fusões e fusões como atos de combinação de duas ou mais entidades comerciais em uma ou fusão de duas ou mais preocupações de negócios em uma. Com suas definições sendo quase iguais, vamos encontrar as diferenças através de suas características e propósitos.

A fusão é a fusão de duas ou mais entidades e é um processo no qual a identidade de uma ou mais entidades está perdida (como é frequentemente observado quando os partidos políticos se fundem). A fusão combina entre duas ou mais entidades empresariais de uma forma que ambos perdem suas identidades e uma nova entidade separada nasce. No caso de uma fusão, os ativos e passivos de uma empresa são investidos nos ativos e passivos de outra empresa. Os acionistas da empresa que está sendo incorporada tornam-se acionistas da empresa maior (como quando dois ou mais bancos menores se fundem com um banco maior). Por outro lado, no caso de amalgamação, os acionistas de ambas (ou mais) empresas obtêm novas ações atribuídas que são de uma nova empresa por completo.

Pode haver três tipos de fusões, nomeadamente horizontal, vertical e conglomerado. A fusão horizontal ajuda na redução da concorrência, eliminando uma das empresas do mercado. A fusão vertical refere-se a empresas nas quais um é fornecedor de matéria-prima ou outros serviços para outro. Este tipo de fusão é útil para a empresa de fabricação ter um suprimento ininterrupto de bens e serviços essenciais e ajuda a se concentrar em esforços de marketing. Finalmente, as fusões de conglomerados são realizadas com o objetivo de diversificar as atividades comerciais e ter mais influência no mercado.

As fusões e as fusões são esforços bem conhecidos nos círculos empresariais, tanto para o crescimento como para a diversificação, embora existam críticas desses procedimentos, dizendo que eles são empreendidos para eliminar a concorrência para garantir maiores lucros para a empresa e para os acionistas.

Nem todas as fusões e fusões são de natureza maligna e, em alguns casos; pode haver uma redução de custos na produção de bens e serviços, beneficiando assim os consumidores finais.

Em resumo:

Amalgamação vs. Fusão

• Fusões e fusões são procedimentos que são realizados em círculos comerciais por duas ou mais empresas com o objetivo de aumentar os lucros e obter acesso a mercados mais amplos.

• No caso de fusões, duas ou mais empresas menores perdem suas identidades à medida que se fundem em uma empresa maior.

• Na amalgamação, todas as empresas que combinam podem perder suas identidades e uma nova empresa independente pode nascer.